Gestões públicas ineficientes causam desajustes nas contas do IPE Saúde!

O SINPOL-RS, Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do RS, rejeita qualquer projeto futuro que venha acompanhado de propostas para majorar ainda mais as alíquotas previdenciárias, sob o pretexto de sanear as contas do IPE SAÚDE, as quais por ineficiência histórica das gestões governamentais, tentam responsabilizar o funcionalismo público e suas famílias, com aumento de descontos, gerando diminuição salarial dos servidores. A direção do SINPOL-RS, reivindica ao núcleo do Governo Leite, que o órgão previdenciário realize uma séria e competente auditoria com resultado, das suas receitas, passivo e ativo para identificarmos as reais necessidades de reajustes previdenciários futuros. Pelo contrário, tudo soará como apenas como fontes de aumento de arrecadações tendo como base confiscos salariais, o que é INCONSTITUCIONAL, segundo o STF.

Fonte: edição impressa do jornal Zero Hora, publicado na coluna Política +, desta quinta-feira, 12/01/2023.

À DIREÇÃO DO SINPOL-RS

Publicação da notícia do jornal Zero Hora (edição 12.01.2023, pág. 6 – coluna Política +) na galeria de imagens a seguir:

Postada por Comunicação Sinpol/RS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três + seis =